Duelo de opostos no primeiro encontro entre brasilienses na BFA 2019. Tubarões é favorito diante do Templários

5/7/2019

 (Tubarões do Cerrado e Brasília Templários se enfrentaram na BFA de 2018. Foto: Luiza Estevão)

O primeiro encontro entre dois times da capital federal na BFA 2019 marca o confronto de times que vivem momentos totalmente contrários. Enquanto o Tubarões do Cerrado levantou mais um troféu no primeiro semestre e quer dar sequência ao melhor momento da história do time, o Brasília Templários sofre com a inconstância do elenco e vê projeto do time caminhar muito lentamente. Os times serão adversários no próximo sábado, dia 6, às 14h, no campo da Universidade Católica com transmissão exclusiva da AllSports TV. A entrada é franca.

 

Com objetivos diferentes na competição, o jogo marca a estreia dos dois times na primeira divisão do campeonato brasileiro de futebol americano. A última vez que o Templários saiu vitorioso de campo foi em julho de 2017, quando bateu o Alligators por 23 x 07 pela Liga Nacional. O principal objetivo em 2019 será permanecer na elite para o ano seguinte. “A principal meta esse ano é consolidar nossa presença na BFA e mostrar que temos um time competitivo”, disse o presidente do time Leandro Hernandes.

 

A última partida oficial do time foi em setembro, são 10 meses sem participar de um jogo válido por uma competição. No primeiro semestre a equipe não participou do campeonato regional, a Taça Cairo Santos, e não fez amistosos. Esse período foi de organização da diretoria, da comissão técnica e do elenco que sofre com constantes perdas de talentos revelados pelo time.“Sofremos muito (com as saídas dos jogadores) e ainda estamos sofrendo. Todos os anos perdemos bons atletas para equipes mais tradicionais. O elenco do Templários esse ano ainda continua jovem, mas estamos apostando em melhorar a comissão técnica no intuito de dar mais qualidade para a formação”, explicou Leandro.

 

Na construção do elenco foram adicionados jogadores do time B do próprio Tubarões do Cerrado, próximo adversário. Foram cinco atletas emprestados numa relação positiva tanto para os times quanto para os jogadores, conforme explica Leandro. “A intenção da parceria é favorecer os atletas e fortalecer as duas equipes. O Templários precisa de jogadores, e os jogadores da base do TdC precisam de experiência, então nós pegamos novatos e transformamos em experientes”.

 

Tubarões reforçado

 

Do outro lado o Tubarões do Cerrado está em fase de consolidação entre os maiores times do Brasil. Nos últimos 10 jogos, venceu nove, quando foi parado pelo João Pessoa Spectros na semifinal nacional. Após ser campeão da Taça Cairo Santos o time ganhou reforços para a disputa da BFA. Destaque para o novo quarterback Jordan Moore e os irmãos Ewander e Ewandson, mais conhecidos como B1 e B2, que estão de volta ao time brasiliense após disputar o campeonato regional pelo Goiânia Rednecks.

 

O novo quarterback deve ter um tempo de jogo muito reduzido, pois chegou à Brasília há menos de uma semana e ainda precisa se adaptar ao tempo de jogo e ao playbook. O titular será Pedro Amorim, prata da casa do time brasiliense.“O Jordan já treina com o time. Ele vai ter o tempo de jogo reduzido. Vamos colocar ele nas condições que ele tem de ser bem-sucedido. Queremos que ele pegue os conceitos e execute. Cumprir a função tática já é uma excelente primeira impressão”, disse Fabrício Ataíde, treinador do Tubarões.

 

Para o norte-americano, o jogo será importante para que ele ganhe sintonia com os colegas do setor ofensivo e cumprir o plano de jogo traçado pela comissão técnica. “Quero ganhar química com o ataque, com o playbook e pontuar. Tudo que o treinador planejou para mim enquanto eu estiver em campo, vou executar”, disse Jordan.

 

Outro destaque entre os reforços foi a linha ofensiva que ganhou três novas peças que estarão à disposição de Fabrício no próximo sábado, Fabrízio Vilarinho, Alexandre Rosa e Diogo Santos. “O que eu prezo no time é o trabalho coletivo. Essa é a força do TdC. Eles não têm muito crédito, mas ajudam muito o nosso ataque a ser extremamente produtivo”, elogiou Fabrício.

 

Sobre o adversário, a comissão técnica não tem vídeos recentes do Templários para analisar. A saída encontrada foi montar a estratégia baseada na proposta de jogo que o TdC quer imprimir durante todo o confronto. “No decorrer do jogo vamos nos adaptar a tudo que seja possível”, sentenciou o treinador.

 

Serviço

 

Brasília Templários x Tubarões do Cerrado – BFA 2019

Quando: sábado, 6 de julho

Onde: Universidade Católica de Brasília, Taguatinga

Horário: 14h

Ingresso: Entrada franca

 

Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload